É meu!

É meu!
Pare com o roubo de conteúdo!

31.3.07

Um dos Roteiros Turísticos de pedra que existem em vários pontos da cidade. Este pertence ao Grande Hotel da Huíla. Lubango, 2002.

Velha vivenda na Rua João da Chela, onde viveu o próprio João da Chela. Lubango, 2002.

Campo de futebol da Escola Mandume (ex-Liceu Diogo Cão). Lubango, 2003.
Fachada da Escola Mandume (ex-Liceu Diogo Cão). Lubango, 2003.
A Escola Mandume no tempo dos jacarandás. Lubango, 2003.
Pátio da Escola Mandume. À direita, a entrada para o ginásio. Lubango, 2002.
O Externato. Lubango, 2002.
O ISCED. A anterior universidade. Lubango, 2002.
A vivenda onde vivia o arquitecto José Ludovice, projectada por ele próprio. Bairro João de Almeida, Lubango, 2002.

A mesma vivenda. Lubango, 2002.
Exterior do Mercado Municipal. Lubango, 2002.
Interior do Mercado Municipal. Lubango, 2002.
Porta no mercado municipal. Um escudo português sobrevive ainda. Lubango, 2002.
A Missão. Lubango, 2002.
Mitcha. Velha escola primária à direita. Lubango, 2002.
Mitcha. Lubango, 2002.
Cemitério da Mitcha. Lubango, 2002.
Eucaliptos na Mitcha. Lubango, 2002.
A Pediatria. Outrora, foi a Clínica Privada do Dr. Simões, onde nasci. Lubango, 2002.
A Pediatria. Lubango, 2002.
Entrada para o Iscra (ex-colégio Paula Frassinetti). Lubango, 2002.
Muro do ex-colégio Paula Frassinetti. Lubango, 2002.
Vivenda próxima do ex-colégio Paula Frassinetti. Lubango, 2002.
Vivenda próxima do ex-colégio Paula Frassinetti. Lubango, 2002.
Jovens estudantes do Iscra (ex-colégio Paula Frassinetti) frente a uma vivenda próxima. Lubango, 2002.

A Gráfica da Huíla, no Largo da Sé. Lubango, 2002.
Entrada do Parque Infantil, no Largo da Sé. Lubango, 2002. Reparar nas crianças da Escola nº 60, ali perto, carregando as suas próprias cadeiras de plástico.


Sé do Lubango. 2002.
Sé do Lubango. 2003.
A Sé do Lubango. 2002.
Largo da Sé. Lubango, 2002.
Jovens no Largo da Sé. Lubango, 2002.
Traseiras do Parque infantil, onde funcionava a creche "Os Piriquitos". Em 2005, uma outra creche abriu aqui as portas. Lubango, 2002.

Creio que este edifício foi outrora uma oficina. Situa-se no lado oposto das traseiras do Quartel. Lubango, 2002.


A estrada para a Sra do Monte, frente àquela que outrora foi a Quinta do Venâncio. Entretanto, a velha árvora da direita já caiu. Lubango, 2002.

O monumento onde outrora ficava a estátua de João de Almeida, que foi substituída por esta. Projecto do arquitecto Ludovice (excepto a estátua). Lubango, 2002.

A "casa-fantasma", na Sra do Monte. Agora construiram no quintal um "lodge", o Casper House. Lubango, 2002.
Entrada da feira da Sra do Monte. Projecto do arquitecto José Ludovice. Lubango, 2002.
Eucaliptos na Sra do Monte. Lubango, 2002.
O casino. Lubango, 2002.
O casino. Lubango, 2002.
Do cimo da Sra do Monte, frente ao casino. Lubango, 2002.
Sra do Monte, a fonte em escada e os arcos. Lubango, 2002.
Sra do Monte e casino. Lubango, 2002.
Sra do Monte, Lubango. A piscina vazia, os arcos e o casino ao longe. 2002.
Sra do Monte, Lubango. A piscina vazia. 2002.
"Kandengues" na Sra do Monte. 2002.
Sra do Monte - obras de renovação em 2006. Muros, valas, montes de terra... Lubango.
Parede em construção em volta do campo de básquete. Entretanto, foi demolida. Parece que não sabem bem o que fazer com a Sra do Monte... Lubango, 2006.


29.3.07

A Sra do Monte em 2006. A estrura à esquerda é uma futura casa de banho pública, em frente à piscina e ao lado dos campos de ténis. Lubango.